Logo Lona na Lua

Sede Lona na Lua

Rua Admário Alves de Mendonça, 121, Centro, Rio Bonito-RJ

Casimiro de Abreu

Rua Julio Armindo Mozer, S/N, Mataruna, Casimiro de Abreu

Centro Adm Célio Sarzedas

Av. Amaral Peixoto, s/nº, Vila Campo Alegre – Casimiro de Abreu

(21) 98502 0168

(21) 99564-0609

  • Facebook - White Circle
  • Twitter - White Circle
  • Instagram - White Circle

Projeto Escola no Lona na Lua bate recorde de público

20-Apr-2018

Edição de número 22 do projeto foi sucesso absoluto para crianças das escolas de Rio Bonito e região.

 

         O Lona na Lua foi invadido por crianças das escolas públicas e privadas de Rio Bonito, Itaboraí e Silva Jardim. A edição de número 23 do “Projeto Escola”, ocorrida entre os dias 9 e 13 de abril, levou pelo menos três mil pessoas ao espaço cultural riobonitense, entre professores, diretores e alunos, sendo considerado o maior público da história. A iniciativa acontece desde o ano da fundação do Lona na Lua, em 2009, e é uma importante ferramenta para a sustentabilidade da instituição sociocultural. Toda a renda é revertida para a manutenção do espaço, das atividades e das oficinas loneiras, conforme explica do fundador do Lona, Zeca Novais. “A gente se orgulha de gerar essa integração com as escolas e poder proporcionar um dia diferente na rotina dessas crianças. As contas de água, luz, internet chegam todo mês e o ‘Projeto Escola’ é fundamental para que continuemos oferecendo aulas de teatro, circo, dança, música, cinema, roteiro e cenografia e figurino de forma gratuita, durante todo o ano”, afirma.

 

 

          Nesta edição, o espetáculo escolhido foi o Reinações de Narizinho, adaptado da obra de Monteiro Lobato, e que levou os clássicos personagens do Sítio do Pica Pau Amarelo. A peça foi apresentada pelo Grupo In-Cena de Teatro, vindo diretamente de Teófilo Otoni, Minas Gerais.  A atriz que interpreta  a personagem “Emília” comenta a importância do Projeto Escola na formação das crianças. “Além de artista, sou pedagoga e acredito muito nesse tipo de trabalho porque atua auxiliando a educação. A cultura desenvolve a criatividade e a expressão da criança”, conta. Quem concorda com Amanda é o Carlos Eduardo, ou apenas Cadu, de apenas 8 anos, aluno do Colégio Municipal Maurício Kopke, em Rio Bonito. “Achei tudo incrível, já estou morrendo de saudade daqui. Foi um sonho que eu tinha e que se realizou”.

          O Projeto Escola no Lona na Lua acontece duas vezes ao ano, com a próxima edição marcada para outubro. Zeca porém, não descarta uma volta antes do previsto. “Pode ser que aconteça. Muitas escolas que não participaram agora demonstraram interesse. Isso prova a seriedade do trabalho e, pra nós, é algo muito gratificante”.

 

 

 

Please reload

Please reload

Arquivo

NOTÍCIAS