top of page

NOTÍCIAS

Lona na Lua apresenta ‘Cuidando das Águas do Rio’ em Magé’

Publicado por Folha da Terra

Lona na Lua apresenta ‘Cuidando das Águas do Rio’ em Magé’
Foto: Lívia Louzada

Lona na Lua em Magé. O Lona na Lua fez sua 6ª apresentação do projeto ‘Cuidando das Águas do Rio’ na Escola Municipal Parque Boneville, no bairro Parque Boneville, em Magé, na última quarta-feira (12). Este representa o segundo ciclo da iniciativa, que já atingiu até agora um público de 1079 crianças. No primeiro ciclo, a trupe esteve em São Gonçalo. Ao todo, o Lona na Lua vai percorrer 12 cidades nos próximos meses e apresentar a peça ‘Cuidando das Águas do Rio’ para 9.600 estudantes do estado. Todas as 48 apresentações terão uma intérprete de Libras para traduzir o espetáculo.


Além disso, leia também outras notícias sobre o Lona na Lua.


Na peça, os atores Sarah Rocha, Weslley Gregório e Wallace Silva, que interpretam Juliana, Francisco e Juninho, respectivamente, recebem um dever de casa. Eles precisam explicar como é possível preservar os rios, descartar corretamente o lixo e preservar a natureza. Para isso, usam de imagens, música e muita diversão na interação com as crianças.


Lona na Lua apresenta ‘Cuidando das Águas do Rio’ em Magé’
Lona na Lua em Magé – Foto: Tiers Rangel

E parece que a estratégia funcionou, já que os alunos Lorenzo Fonseca, de 8 anos e Ana Luiza Oliveira, de 10, aprenderam como devem preservar o meio ambiente.  “Gostei muito porque nos ensinou a cuidar do meio ambiente. Aprendi que queimar o lixo pode fazer o aquecimento global aumentar. Quando fica muito calor, a água pode secar”, disse Lorenzo, aluno do 3º ano.


A Ana Luiza também não sabia sobre os problemas que a queima do lixo causa. “Aprendi que a gente não pode queimar as coisas sem se preocupar com a natureza. Adorei a peça porque eles se esforçaram para fazer esse espetáculo pra gente”, elogiou a aluna do 5º ano com um sorriso no rosto.


A diretora da Escola Parque Boneville, Roberta Gomes, disse que o assunto da peça complementa o projeto que a escola tem de educação ambiental, além de levar cultura para crianças que não tem acesso a arte. “Além de ser divertido para eles, que tem pouco acesso a arte e a cultura por conta do local onde moram, também instrui. A peça fala sobre a preservação do meio ambiente, o que é muito necessário nos dias de hoje e contribui com o projeto que a escola já tem há seis anos, sobre educação ambiental. Eles gostaram muito do tema e de participarem da peça”.


E é exatamente esse o objetivo do projeto, conta o supervisor de responsabilidade social da Águas do Rio, Anderson Lopes. “A iniciativa tem por objetivo propiciar a educação sanitária e ambiental nesses ambientes e espaços escolares. Já alcançamos mais de mil alunos e vamos ficar todo esse ano de 2024 com essa iniciativa para poder espalhar as informações de noção de saneamento”, esclarece.


O fundador e diretor do Lona na Lua, Zeca Novais, falou como tem sido a experiência de espalhar a importância da preservação do planeta entre crianças de várias cidades e escolas. “O primeiro ciclo foi em São Gonçalo, em fevereiro, e a agora em março a gente está circulando as escolas de Magé. Só no primeiro ciclo foram 1079 crianças atendidas pelo projeto com arte, educação e sustentabilidade. A gente quer que essa criançada leve para casa essa mensagem de que, se todo mundo se unir, podemos preservar o meio ambiente, ter um planeta mais bonito e mais sustentável”, disse o fundador do Lona.


O projeto “Cuidando das Águas do Rio” tem patrocínio da Águas do Rio e Instituto Aegea, via Lei Federal de Incentivo à Cultura e é uma realização do Lona na Lua, Ministério da Cultura e Governo Federal.


Por Lívia Louzada

Комментарии


Arquivo
bottom of page